Negócios de curto prazo revertem a tendência de alongamento de contratos no mercado livre

Negócios de curto prazo revertem a tendência de alongamento de contratos no mercado livre

Desde julho, a plataforma de negociação de energia BBCE observou um aumento nas transações de curto prazo, contrapondo a tendência anterior de alongamento de contratos de 2023. Em agosto, 76% dos 25.634 GWh negociados foram contratos de curto prazo, um aumento de 23,5% em relação ao mesmo mês de 2022. O PLD (Preço de Liquidação das Diferenças) está no mínimo desde outubro devido à boa hidrologia e reservatórios com mais de 70% de capacidade, segundo o ONS.

A BBCE movimentou R$ 2,2 bilhões em agosto, uma redução de 12,8% em relação a 2022, mas um aumento de 26,8% desde julho. Houve uma queda de 64,8% no volume de contratos em agosto em relação a 2022, com um tíquete médio de 14,5 GWh por operação.

Leia a matéria completa em: https://canalsolar.com.br/negocios-de-curto-prazo-revertem-a-tendencia-de-alongamento-de-contratos-no-mercado-livre/

Matérias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios estão marcados com *

plugins premium WordPress
Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?