Economia gerada com ambiente livre estimule a criação de 203 mil empregos

Economia gerada com ambiente livre estimule a criação de 203 mil empregos

A abertura do mercado de energia elétrica para todos os consumidores de alta tensão – o chamado “grupo A” – em janeiro de 2024 já provoca forte competição entre distribuidoras e comercializadoras. Estima-se que somente a economia gerada pelos clientes deste grupo possa criar 203 mil empregos diretos e indiretos.

A estimativa foi feita pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) a partir do cálculo da economia potencial destes consumidores no mercado livre. As comercializadoras, além dos investimentos em tecnologia, realizam contratações.

Existem, atualmente, 514 comercializadoras registradas na Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Destas, 75 estão habilitadas como varejistas, além de outras 42 no mesmo segmento em processo de habilitação. Na prática, o comercializador varejista pode representar o consumidor na CCEE e podem ajudá-lo na transição para o mercado livre. A Abraceel estima que cerca de 180 mil consumidores poderão migrar para o mercado livre a partir de janeiro. Hoje, são 30 mil.

Leia matéria completa em: https://valor.globo.com/publicacoes/especiais/mercado-livre-de-energia/noticia/2023/07/24/competicao-exige-investimentos-em-ti-e-pessoal.ghtml

Matérias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios estão marcados com *

plugins premium WordPress
Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?