GD bate recorde de crescimento e alcança 14 GW no Brasil

GD bate recorde de crescimento e alcança 14 GW no Brasil

A Geração Distribuída (GD) alcançou a marca de 14 GW de capacidade no Brasil, mesma potência instalada da usina de Itaipu, maior hidrelétrica em operação e responsável por cerca de 10% da energia consumida no país.

Além de consolidar sua expansão, a modalidade acrescentou 1 GW de capacidade ao sistema (de 13 GW para 14 GW) em apenas 38 dias, o crescimento mais rápido já registrado.

Com mais de 1,7 milhão de consumidores, a GD está dividida entre as classes de consumo residencial (47,4%), comercial (30,3%), rural (13,4%) e industrial (7%). Entre as fontes dos sistemas de mini e microgeração de eletricidade, a energia solar é a mais presente, representando 98,3% do total; seguida por biomassa e biogás (1%), central geradora hidrelétrica (0,5%) e eólica (0,1%).

De acordo com a ABGD, com os atuais 14 GW de potência instalada, a geração distribuída tem capacidade suficiente para abastecer aproximadamente 7 milhões de residências ou 28 milhões de pessoas. Já a matriz FV responde por cerca de 68% da potência da modalidade, alcançando a terceira posição entre as principais fontes de energia em potência instalada no país, com chances reais de alcançar, em breve, a segunda posição das eólicas. Dos 20 GW de capacidade solar, cerca de 13,8 GW são provenientes da geração própria de energia.

Leia mais em: https://canalenergia.com.br/noticias/53227096/gd-bate-recorde-de-crescimento-e-alcanca-14-gw-no-brasil

Matérias Relacionadas
plugins premium WordPress
Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?