Expansão das Energias Renováveis: Brasil conta com mais de 5 mil fazendas solares em plena operação

Expansão das Energias Renováveis: Brasil conta com mais de 5 mil fazendas solares em plena operação

A adoção da energia solar por assinatura está em constante crescimento no Brasil, pois proporciona uma maneira de contornar os altos custos da conta de luz e aliviar o orçamento dos consumidores que não desejam investir na instalação de uma usina fotovoltaica completa.

Dados obtidos em parceria entre o Canal Solar e a ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) revelam que o número de fazendas solares em funcionamento praticamente se multiplicou por seis em menos de quatro anos no Brasil: de 861 empreendimentos em 2020 para 5.141 em abril de 2023.

Consequentemente, o número de clientes que aderiram a esse modelo de fornecimento também aumentou no mesmo período, saltando de 3,2 mil para 14,7 mil consumidores que recebem créditos gerados pelas fazendas solares.

“O compartilhamento da geração é o caminho que permite, de forma muito democrática, que pessoas tenham acesso à energia solar, seja por motivos técnicos ou econômicos”, explica Guilherme Susteras, coordenador do grupo de trabalho de geração distribuída da entidade.

Ele destaca que esse mercado está em crescimento contínuo e continuará prosperando nos próximos anos, especialmente porque ainda há um grande número de fazendas solares em construção. “Houve um enorme volume de pedidos de pareceres de acesso antes do prazo final da Lei 14.300, e agora esses projetos começarão a sair do papel”, ressaltou Susteras.

Confira abaixo os dados acumulativos sobre a geração compartilhada no Brasil:

tabela – brasil,fazenda,expansão,energia solar,energia elétrica,energia por assinatura
Fonte: ABSOLAR

Investimentos, Geração de Empregos e Capacidade de Energia

Os dados obtidos também revelam que as fazendas solares já atraíram mais de R$ 574 milhões em investimentos, instalaram mais de 117,6 MW de capacidade de energia e geraram mais de 3,5 mil empregos desde o início da expansão dessa modalidade no Brasil.

O modelo de assinatura de energia solar teve início em 2015, quando a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) regulamentou a geração compartilhada, permitindo que a energia gerada pudesse ser vendida a terceiros por meio de créditos, nos quais os clientes contratam os serviços de assinatura da empresa.

Como funcionam as fazendas solares?

As fazendas solares são usinas fotovoltaicas integradas à categoria de geração distribuída, destinadas à venda ou aluguel de lotes de painéis solares para indivíduos e empresas do mercado cativo que desejam gerar sua própria energia e reduzir a conta de luz sem a necessidade de possuir um sistema próprio.

Essas fazendas recebem esse nome porque são construídas em áreas terrestres, em vez de serem instaladas em telhados, e geralmente estão localizadas em regiões afastadas dos centros urbanos. Elas contam com centenas de módulos fotovoltaicos para gerar energia, que será comercializada para clientes em outras localidades e distribuída por meio das linhas de transmissão e distribuição.

Fonte: https://canalsolar.com.br/brasil-possui-mais-de-5-mil-fazendas-solares-em-operacao/

Matérias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios estão marcados com *

plugins premium WordPress
Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?